Soluções de atendimento digital para todos os tamanhos de empresas.

Aprenda como desenvolver a sua capacidade analítica

A capacidade analítica, ou pensamento analítico, nada mais é do que uma forma de pensar com o intuito de explicar situações e fatos por meio de sua decomposição em partes mais simples e de fácil explicação e solução.

Aprenda como desenvolver a sua capacidade analítica

 

Saber interpretar dados é um atributo essencial para qualquer profissional, independentemente de sua área de atuação, mas, para isso, é preciso desenvolver sua capacidade analítica constantemente, como se fosse um treino em uma academia.

A correria dos tempos modernos praticamente impossibilitou as pessoas de trabalharem seu raciocínio analítico de forma constante. Afinal, estão todos sempre com pouco tempo disponível para parar e pensar sobre diversas questões, impactando negativamente na elaboração de estratégias.

Apesar de parecer algo impossível de ser revertido, saiba que não é bem assim. Nesta postagem, abordaremos o conceito de capacidade analítica e como você pode trabalhá-lo em seu cotidiano. Confira!

O que é a capacidade analítica?

Imaginemos que nas rotinas de gestão de uma determinada empresa, identificou-se um baixo volume de vendas. Qual seria a razão disso? O primeiro passo é quebrar o problema em partes e verificar quais as possíveis causas dessa situação.

As vendas estão baixas em todas as regiões de atuação da empresa? Ao responder a essa questão, você descobre que as vendas estão baixas somente na região sul. Bingo! Já começamos a compreender a situação de maneira mais simples.

Para continuar a análise, é preciso dividir o problema novamente: quais produtos estão com as vendas baixas nessa região? Quais vendedores apresentam um resultado abaixo do esperado?

Suponhamos que todos os produtos tenham uma boa aceitação nessa região. Contudo, apenas alguns vendedores estão com uma produtividade muito baixa.

Nesse caso, é preciso acompanhar os processos realizados por eles e, ainda, verificar a aceitação desses produtos em suas praças.

Esse exemplo é uma boa representação de como funciona o processo analítico. Quando nos deparamos com um grande problema, é necessário reduzi-lo em pequenas partes até chegar a sua raiz, para, então, pensar em uma solução.

Qual é o perfil de um profissional analítico?

A capacidade analítica é cada vez mais valorizada pelas empresas. Afinal, temos uma infinidade de informações e dados disponíveis para consulta. Por outro lado, faltam pessoas capazes de analisá-los, desenvolver modelos analíticos e orientar decisões de forma assertiva.

Conheça algumas características de um profissional analítico:

Aprendizado rápido

Uma das principais características de um profissional analítico é, sem dúvidas, a sua grande capacidade de aprendizado. O mundo está em constante mudança e compreendê-lo sob novas perspectivas é fundamental.

O aprendizado rápido torna esse profissional altamente flexível e resiliente, fazendo com que ele seja capaz de se adaptar com extrema velocidade a novos cenários. Assim, esse profissional torna-se capaz de analisar os problemas com muita rapidez, encontrando alternativas em cenários imprevisíveis.

Facilidade para lidar com grandes volumes de dados

Como dissemos, surge, a cada dia, uma infinidade de informações e dados, estruturados ou não. Ter uma capacidade analítica bem desenvolvida é fundamental para compreendê-los e extrair as melhores soluções em diversos cenários.

Muito além de saber interpretar esses dados, um profissional analítico deverá saber de onde extraí-los e como cruzá-los de maneira correta para, no fim, poder analisar tudo e traçar uma estratégia. De nada adianta fazer grandes análises se os dados utilizados são imprecisos, antigos ou de baixa qualidade.

Replicação de raciocínio

A replicação de raciocínio nada mais é do que a capacidade de aplicar decisões tomadas anteriormente, e que tiveram bons resultados, em uma situação semelhante, fazendo os ajustes necessários.

Contudo, para se concluir que é uma situação semelhante, é preciso analisar a situação e verificar quais são as variáveis presentes nela. Toda vez que algo se replica, é preciso observar que, apesar de semelhantes, são situações diferentes.

Clareza na comunicação

Outra grande característica de um profissional analítico é a sua capacidade de se comunicar de forma clara, sem rodeios e indo diretamente ao assunto. Isso é um reflexo de sua capacidade analítica onde só os dados importam.

Essa comunicação mais direta permite que ele exponha a situação da maneira mais clara e sucinta possível, a fim de ilustrar a situação a todos e indicar qual a melhor decisão a ser tomada.

Como desenvolver a capacidade analítica?

Assim como para o desenvolvimento de qualquer outra habilidade, é necessário investir em sua capacidade analítica por meio da criação de um hábito.

O primeiro passo é ler bastante, pois é a partir da leitura que se tem uma compreensão mais ampla sobre a sociedade e seu funcionamento. Não se esqueça de incluir em sua leitura diversos artigos específicos de sua área.

Outro ponto é aprender a fazer uma pesquisa de qualquer natureza. Ao pesquisar sobre diversos assuntos, você começará a entender a mecânica da organização do pensamento analítico, onde se tem um determinado problema e é preciso resolvê-lo.

Contudo, é necessário sair do senso comum e começar a questionar a razão de as coisas serem de um jeito e não de outro. O questionamento é a base do desenvolvimento humano e a única forma possível de buscar alternativas para uma determinada situação ou problema.

Não espere um momento de crise para desenvolver a sua habilidade analítica. Questione-se sobre como está o seu desempenho, se suas afirmações são válidas, se o seu posicionamento é o correto, quais são as tendências do seu mercado e o que pode fazer de diferente para melhorar.

Para analisar uma determinada ação no desenvolvimento de seu pensamento analítico, você pode seguir quatro passos básicos:

  • defina: determine um problema ou uma situação que precisa de resolução, ou seja, o objetivo da sua análise;
  • decomponha: se um problema for muito grande, divida-o em situações menores para facilitar a sua compreensão;
  • avalie: comece a questionar as circunstâncias que levaram ao problema e identifique as possíveis variáveis que influenciaram nesse resultado;
  • decida: após coletar todos os dados e avaliar suas nuances, você será capaz de tomar uma decisão e indicar o melhor caminho para a solução.

A verdade é que as empresas estão buscando, cada vez mais, profissionais com capacidades analíticas que possam compreender e compilar todas as informações de sua empresa, a fim de alcançar os melhores resultados.

Se você não quer ficar para trás e deseja conseguir melhores cargos e salários, precisa investir no desenvolvimento de seu pensamento analítico, um dos principais requisitos para cargos de liderança.

Agora que você já sabe sobre a importância da capacidade analítica em sua vida profissional, aproveite sua visita ao nosso blog e baixe nosso guia referente a 5 maneiras de reduzir custos com atendimento!

Não perca as novidades da Hi Platform

Assine nossa newsletter para ficar por dentro dos lançamentos da Hi